Arquivo Historico
DADOS SOBRE A IMAGEM
Cota:
Sugestão para a descrição:*
Personagens identificadas:*
Observações:*
Nota: Os dados sobre a imagem são de preenchimento obrigatorio. 
DADOS DE CONTACTO
Nome:
Email:
Telefone/Ext.:
Nota: Os dados para contacto não são obrigatorios.
Tipo Coleção Hélder Ribeiro
 
 
DESCRIÇÃO DA COLEÇÃO
Título:  
Título: Coleção Hélder Ribeiro 
Legenda:  
Autor:  
Data: 1940 
Cota:  
Descritores:  
História: Coronel Hélder Armando dos Santos Ribeiro, nasceu em Lisboa em 19 de Junho de 1883, foi casado com Margarida Joana Machado Ferreira, fez carreira militar, foi professor e politico.

Em 1899-1900, foi um dos fundadores da Liga Académica Republicana e membro dos seus corpos directivos; de 1907-1910 foi colaborador do almirante Cândido dos Reis, de João Chagas e do capitão Sá Cardoso nas organizações revolucionárias em prol da proclamação da República, inclusivé na Revolução de 5 de Outubro de 1910, distinguindo-se no comando das movimentações militares que levaram à vitória republicana e à proclamação da República.



Em 1911 é eleito deputado à Assembleia Nacional Constituinte, pelo Círculo Eleitoral da Covilhã e entre 1912-1917 e 1919-1021 é membro da Câmara dos Deputados, eleito pelos Círculos da Covilhã e de Lisboa.



Exerceu funções de ministro da Guerra em 1919 (no ministério de Sá Cardoso); em 1920 (durante o ministério de Domingos Pereira); em 1924-1025 (durante o ministério de José Domingos Santos); durante o exercício das funções como ministro da guerra foi responsável pela construção do 1.º pavilhão da Família Militar, no Hospital da Estrela e pelas providências para elevar o nível de instrução das Forças Armadas.



Em 1920 exerceu funções de Ministro interino do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Comércio e, em 1924, foi Ministro da Instrução Pública no ministério de Álvaro da Costa, estabelecendo as bases para a reorganização do Ensino Primário e Superior.



Foi membro do Partido Republicano Português desde a sua fundação em 1920 e participou na organização do partido Constituinte.



Foi o presidente do Movimento da Unidade Democrática (MUD), desde a sua sessão inicial até 1949.



Foi militar distinto, possuindo várias condecorações nacionais e estrangeiras, tais como a de oficial da Torre de Espada, com Palma, Comendador da Ordem de Cristo, com Palma, oficial da Ordem de Avis e S. Jorge de Inglaterra e Legião de Honra da França.

Foi demitido do Exército em 1931 por motivos políticos e foi readmitido em situação de reforma em 1936.



"Pelas posições que assumiu em defesa das suas ideias políticas esteve preso várias vezes e foi deportado para Angola, Timor, Cabo Verde e Açores, onde teve residência fixa depois de ter sido demitido de todos os cargos oficiais em 1931".



Professor, exerceu magistério do 2.º curso das Escolas Regimentais, do Regimento de Infantaria 2-Lisboa, no curso de matemática da Escola de Construções, Comércio e Indústria, na 1.ª cadeira de matemáticas Gerias do Instituto Industrial de Lisboa (de 1919-1927); na cadeira de História militar do curso do Estado Maior da Escola Militar onde também dirigiu outros cursos.



Faleceu aos 90 anos de idade, em 9 de Novembro de 1973, na sua residência no Porto, na Rua Júlio Dinis. 
História Custodial: Estas fotografias deram entrada no Arquivo Histórico Parlamentar em Maio de 2011, fazendo parte do espólio documental Pereira Bastos, entregue por D. Maria Teresa da Silva Perry Vidal Pereira Bastos de Mendonça, neta do general João Pereira Bastos, fazendo parte integral do espólio deste General. O Auto de Entrega é datado de 8 de Junho de 2011. 
Proveniência: João Pereira Bastos 


IMAGENS E REPORTAGENS DA COLEÇÃO
last next 1 de   1 first back
HR00001.jpg 
HR00002.jpg 
HR00003.jpg 
HR00004.jpg 
last next 1 de   1 first back